domingo, 31 de maio de 2009

30-05-2009

Uma gota
Uma queda
Um desequilíbrio que enche de turbulencia uma superfície...

Todo aquele caminho até o chão, até o fim...

Toda aquela dor, todo aquele sentimento...

É uma gota
Uma lágrima
Uma...
Primeira...

Depois dela, muitas seguirão seu caminho, inundando um rosto cansado, limpando uma alma cansada... Se preparando pra recomeçar...

Tudo de novo...


O que significa uma gota frente a tanto mar?


Aff, dia cheio... E eu? Vazio...

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Eu escuto canções que a muito não me diziam novidades...
Uma delas canta que acreditava no pra sempre... Mas o que é afinal esse pre sempre em que tanto acreditamos?
Uma faixa de tempo inderteminada que não tem começo nem fim.
Eu sei que pra sempre amarei uma pessoa.
Mas se não tem começo nem fim, como eu sei?
Eu sei porque pensar nela me faz sorrir, porque o cheiro dela me alcança em certas partes do dia e quando ela não está. Eu sei porque esse sentimento bom me envolve completamente e me embala quando tenho medo... E tenho muitos...

Tenho medo de fechar aquela porta e nunca mais me sentir da forma que ela me faz sentir, medo de nunca mais ser envolvida naquele abraço único e especial e que traz paz...

É dependência demais de uma pessoa? Não, acho que não... Eu poderia passar a vida inteira sem ela. Mas seria melhor que ela tivesse comigo. Seria maravilhoso.

Quem pode me dizer que não é eterno por isso? Porque ela gosta de bala de menta e cheira a criança que acabou de sair do banho? Porque ela tem medo de altura mas mesmo assim testou seus limites?

Foi eterno, É pra sempre. Esse instante que se imortaliza em mim, em minhas palavras, é eterno agora e será depois. Pq o depois é nosso, pra sempre.

E sobrevivendo aos meus medos me agarro a sua imagem que paira no meu pensamento tomando conta dos meus dias...

Você é fodásticamente especial.